A- A A+

A partir de 1° de outubro de 2019, Florianópolis e Santa Catarina terão um novo aeroporto internacional. O Floripa Airport é aguardado por todo o trade de turismo do Estado, sobretudo da capital, considerada o segundo destino mais procurado por turistas estrangeiros do país, de acordo com estudo do Ministério do Turismo. 

Foto: Divulgação / Floripa Airport

Com tamanho quatro vezes maior que o atual, o novo terminal conta com 49 mil m² e tem capacidade para 8 milhões de passageiros por ano. Terá também 10 pontes de embarque (fingers), que conectam o passageiro diretamente à aeronave.

Turismo e novos empregos
O novo equipamento também refletirá no desenvolvimento do turismo na região, com geração de emprego e renda. O novo acesso ao aeroporto facilita a chegada e saída às regiões do Ribeirão da Ilha e do Pântano do Sul, polos de gastronomia típica e cultura açoriana. A valorização imobiliária poderá ultrapassar 50% em bairros como Tapera e Carianos.

Na visão da presidente da Santur, Flavia Didomenico, ter um equipamento como esse em Santa Catarina impacta não apenas no fluxo de turistas, mas também na oferta de serviço qualificado para o público: “O novo aeroporto irá favorecer todo o complexo de atrativos do sul da Ilha e nos coloca em um novo patamar, com a grande ampliação da capacidade de passageiros”.

Mobilidade urbana

O novo acesso ao Sul da Ilha de Santa Catarina será liberado para o tráfego de veículos a partir deste sábado, 28/09, às 14h. A liberação do trânsito no trecho é uma primeira etapa da obra, que tem previsão de entrega completa para março de 2020. O investimento, entre execução e desapropriações, será de aproximadamente R$ 260 milhões.

Com o novo acesso, a população também ganha mais mobilidade e qualidade de vida: “Neste primeiro momento de liberação já será possível aliviar boa parte do intenso volume de tráfego da rodovia SC-405, desviando pela nova via os usuários do Sul da Ilha, especialmente da Tapera, Ribeirão da Ilha e Campeche”, explica o secretário da Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler.

Após a conclusão total, o novo acesso deverá absorver 60% do tráfego da região, que é de aproximadamente 40 mil veículos por dia. Além disso, haverá redução de 22% no custo dos deslocamentos no trecho — menor tempo e gasto de viagem. Também haverá uma expansão da malha cicloviária do município em cerca de oito quilômetros, o que representa um acréscimo de aproximadamente 10% na malha total da Grande Florianópolis.

Informações do acesso
Com extensão total de oito quilômetros, a via será liberada com aproximadamente 1,5 quilômetro em pista simples, sendo um trecho no início do lote 1A, do Trevo da Seta até a ponte do Rio Tavares, e em toda a extensão do lote 1B, do viaduto Carianos até o fim do loteamento Santos Dumont. No lote 1B, a pista em mão dupla inicia pelo lado esquerdo da rodovia até o quilômetro 12+100, onde foi realizado um desvio provisório para a pista do lado direito da estrada e segue por ela até a ligação com as pistas duplas do lote 1C, que continuam até a interseção de acesso ao Sul da Ilha.
Um mapa detalhado pode ser acessado aqui.

Novo conceito aeroportuário

O design e as cores foram inspirados nas belezas e linhas da Ilha, e o novo aeroporto de Florianópolis será por si só uma atração na cidade. Junto com a abertura do novo terminal, será inaugurado também o Boulevard 14/32, um novo destino de entretenimento, serviços e compras. O Boulevard 14/32, nome que faz referência às cabeceiras da pista principal do aeroporto - 14/32 -, terá uma agenda anual de eventos e um variado mix de marcas.

O novo terminal e o Boulevard 14/32 somam juntos investimentos de R$ 570 milhões. O Boulevard 14/32 é a primeira grande praça de eventos, lazer e compras de aeroportos no Brasil. O novo aeroporto de Florianópolis implantará um conceito aeroportuário inédito no país, mas já consagrado no exterior: a ideia de que um aeroporto não é só um lugar de passagem, mas um lugar para se estar. Corroboram com esta premissa a própria construção do Boulevard 14/32, do terraço panorâmico e o conjunto de mais de 50 estabelecimentos comerciais, que vão além de lojas, cafés e restaurantes – reunindo salão de beleza, supermercado compacto e empreendimentos de lazer.

Mais detalhes do novo terminal
Dois andares, um para embarque e outro para desembarque
10 pontes de embarque
2.580 vagas de estacionamento
Área comercial: aproximadamente 5.000 metros quadrados
Check-in: número de guichês - 45 posições
Esteiras de restituição de bagagem: 8, sendo 2 internacional, 5 domésticas e 01 reversível
Portões de embarque: 13 portões de embarque, sendo 2 internacionais, 11 domésticos

Concessão
A Floripa Airport, subsidiária do grupo Zurich Airport, é a concessionária do aeroporto. A empresa ganhou a concessão do Aeroporto Internacional de Florianópolis em março de 2017 para operá-lo por 30 anos. O grupo detém 100% da operação do aeroporto.

 

 

* Com informações da assessoria de comunicação do Floripa Airport e da Secretaria de Infraestrutura do Governo

 

JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento: logo ciasc rodape | Gestão do Conteúdo: SANTUR | Tecnologia: Open Source | Acesso restrito