A- A A+

É tempo de festas, mas nem só de confetes e serpentinas se faz o Carnaval. A folia de Momo é um período importante para aquecer a economia catarinense em diferentes setores, especialmente o turismo. A expectativa do trade turístico para o primeiro feriado do ano depois do Reveillon é de incremento nos meios de hospedagem, no comércio e um maior movimento em rodovias e aeroportos.

carnaval Saul Oliveira

Foto: Saul Oliveira/ Arquivo Santur

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Santa Catarina (ABIH-SC), todas as regiões do estado devem ter aumento na taxa de ocupação hoteleira no período do Carnaval. A Serra, que registrou 82% de locação de leitos em 2019, melhor percentual entre as regiões turísticas catarinenses, espera chegar aos 86% neste ano. Os hoteleiros da Encantos do Sul, onde se destaca o tradicional circuito de festas de Laguna, também estão otimistas com uma projeção de 90% na ocupação em 2020, superando os 75% do ano passado.

Dados Carnaval final Prancheta 1

Em outras regiões litorâneas, como Grande Florianópolis e Costa Verde & Mar, a expectativa varia de 79% a 86%. Números que tendem a se confirmar conforme apontam as vendas da Decolar, plataforma de comércio eletrônico de passagens, hotéis e pacotes de viagens. De acordo com esta empresa, Florianópolis lidera a lista de destinos mais comprados para o período do Carnaval, seguida de Balneário Camboriú, Bombinhas, Penha, Itajaí e Joinville (esta última no Caminho dos Príncipes).

Aliás, Florianópolis já era apontada como um dos dez destinos mais populares para o Carnaval de 2020, segundo plataformas digitais de buscas de viagens. Em levantamento divulgado pelas empresas Kayak e Decolar, a capital catarinense ficou em sétima e oitava posição, respectivamente.  

O feriado também impulsiona a oferta de voos extras nos principais aeroportos de Santa Catarina. Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o Aeroporto Internacional de Florianópolis receberá 21 voos extras e Navegantes outros 11, disponibilizando quatro mil assentos no período de 14 a 26 de fevereiro.

O destaque fica com o Aeroporto de Navegantes, que no ano passado teve apenas quatro voos extras no período de Carnaval. O aumento em 2020 é coerente com o levantamento divulgado pela Kayak no mês passado: o destino teve o maior crescimento nas buscas, com 341% de aumento em comparação a 2019, numa relação de nove cidades brasileiras e Lisboa (Portugal).

Outro impacto positivo para a economia deve vir com os foliões que optarem pelo transporte terrestre. Nos últimos dois anos, o movimento registrado nas praças de pedágio durante o feriado de Carnaval foi maior que nos demais dias do mês das festas, conforme dados da concessionária Arteris Litoral Sul. Na praça de pedágio em Porto Belo, a mais movimentada entre as cinco administradas pela Arteris, os feriados de 2018 (de 9 a 13 de fevereiro) e de 2019 (de 1 a 5 de março) concentraram em torno de 18,5% do total do fluxo de veículos de cada mês, que foi de 1,50 e 1,59 milhão respectivamente.

 

Levantamentos de dados: Diretoria de Estudos e Inovação/Santur

Ascom/Santur

JSN Boot template designed by JoomlaShine.com

Desenvolvimento: logo ciasc rodape | Gestão do Conteúdo: SANTUR | Tecnologia: Open Source | Acesso restrito